• Lucas

Plantão 28/09 - Volta às aulas em 2020 e 2021?

Saiba como preparar a sua cantina escolar para que a volta às aulas aconteça de forma planejada e sem muitos impactos no rendimento.



Volta às aulas em 2020 e 2021? O que fazer em cada um dos casos?


Algumas escolas já estão reabrindo suas portas para a volta às aulas, e é preciso um cuidado redobrado para que a segurança seja o fator principal.


Existem estados que possuem datas previstas, mas com possibilidade de alteração, visto que uma análise minuciosa é necessária para que os protocolos sejam seguidos de forma eficiente.


Isso faz com que vários decretos sejam derrubados, acarretando em mudanças constantes de datas, o que torna o trabalho da escola e do operador de cantina muito difícil.


Alguns já demitiram todos os seus funcionários ou até mesmo zeraram seus estoques. Enquanto outros, fizeram o caminho reverso, reabriram sem nenhuma alteração na forma de operar, e acabaram saindo no prejuízo. Então, que decisão tomar?


Continue acompanhando este post para saber como a Nutrebem pode lhe auxiliar nesta retomada de atividades.


Volta às aulas: a falta de informações concretas e suas incertezas


Como falamos anteriormente, nada se sabe sobre as datas corretas de reabertura das escolas, um calendário fixo que passou a ser mera especulação. Mas uma coisa é certa: independentemente da vacina, as cantinas não serão mais como eram antes.


Pensando no período de adaptação, seja com as cantinas abertas ou fechadas, é necessário que exista uma atenção a mais com relação à credibilidade a ser passada para os responsáveis.


Todos eles esperam que o filho seja bem cuidado quando fora de casa, principalmente em se tratar de escola, ou seja, no mínimo, querem ter ciência de que estão consumindo produtos saudáveis e que o dinheiro destinado ao lanche esteja realmente sendo investido nisso.


É preciso que as cantinas escolares deixem de ser apenas um serviço de conveniência, garantindo a segurança que os pais procuram, cuidando dos seu(s) filho(s) fora de casa.


Para que você tenha uma ideia, nas escolas que já retomaram as suas atividades, 75% das compras agendadas pelo aplicativo (falaremos mais sobre isso a seguir) foram de produtos nutritivos ou moderados. Além disso, 25% das compras que foram avaliadas como pouco nutritivas não foram balas ou chocolates, mas sim sucos de caixinha, bolos ou barrinha de cereal, por exemplo.


Outro fator interessante é que a grande maioria dos responsáveis faz esse agendamento para todos os dias da semana, garantindo vendas constantes e que poderão crescer de acordo com que eles se tornem mais confiantes no processo.
Levantamos essa questão porque antes da pandemia um aluno consumia, em média, “dia sim/dia não”, nos mostrando um retorno gradativo, porém muito positivo.

Transparência é fundamental para conquistar novos usuários



Uma das perguntas mais frequentes é: “como consigo conquistar novos clientes e aumentar a frequência de consumo?”. Parece complexo, mas a resposta é bem simples: transparência gera confiança.


Já parou para pensar que todos os anos a escola se comporta de maneira cíclica? Saem alunos antigos e entram novos alunos.

Falando em fidelização, o seu olhar precisa estar focado em todos eles, claro! Mas existe um público ainda mais especial: as crianças pequenas.

É melhor se empenhar para conquistar a confiança de um responsável por um aluno de 6 anos, onde há maior insegurança alimentar, e que vai consumir na sua cantina pelos próximos 10 anos, ou de um aluno do ensino médio que é mais independente e vai sair da escola nos próximos 3 anos?

A Nutrebem dá a possibilidade de oferecer um cardápio restrito para crianças de diferentes idades, inclusive, para os adolescentes, que possuem uma resistência maior à adaptação.


Então, mude o cardápio pensando principalmente nesses alunos mais novos. A substituição pode ser total ou parcial, gradativa ou não, mas a Nutrebem oferece total apoio nessa jornada.


Possuímos uma nutricionista especializada nas mudanças de cardápio, onde essas trocas poderão ser realizadas sem que haja impacto negativo.


Transparência pros pais, melhoria de cardápio, experiência segura e satisfatória. O que mais poderia faltar para uma cantina escolar de sucesso?


A digitalização da cantina, claro!

Já imaginou uma cantina escolar que não possui circulação de dinheiro? Parece difícil, mas não é impossível!


Afinal, na atual situação que estamos vivendo, o dinheiro pode ser uma via de contaminação do coronavírus.


Através da plataforma Nutrebem é possível realizar a compra dos lanches através de QR Code direto do celular do aluno ou agendando antecipadamente.



O agendamento auxilia, inclusive, no seu controle de estoque e preparação dos lanches, visto que você saberá quais itens foram selecionados para o dia seguinte.


Os responsáveis também poderão ter um maior controle do que está sendo gasto, poupando idas ao caixa eletrônico ou esquecimento do dinheiro do lanche, pois tudo estará on-line.


Lembra que no começo do post falamos sobre cantinas que retornaram operando igual em 2020 e tiveram dificuldade de viabilizar uma operação devido a baixa adesão? Com o agendamento de lanches, as aglomerações na hora do recreio também serão evitadas, gerando mais confiança para as famílias e todo o ambiente escolar.


Ele funciona da seguinte forma: o pai agenda o lanche pelo aplicativo, pagando de forma totalmente on-line, o operador de cantina recebe o pedido e o prepara, a entrega é realizada diretamente na sala de aula do aluno.


Rápido, simples e extremamente seguro, afinal, os alunos estarão sentados em seu distanciamento, seguindo os protocolos exigidos para isentar o contágio por covid-19.


Os pais também poderão montar kits, que funcionarão como uma espécie de combo, porém muito mais atrativo!

“Mas por que o kit lanche é mais atrativo do que o combo?”

Porque ele será apresentado de maneira totalmente transparente, gerando uma confiança a mais para a família que está adquirindo o alimento escolar. O combo é um produto que tem maior aceitação no ensino médio, pois os alunos já são mais independentes.


Imagine: um pai compra um combo para o filho: salgado + refresco. Mas o que vem nesse salgado? E esse refresco? É feito de que? (lembre-se do foco nos alunos menores!)


Enquanto isso, o kit fará com que ele tenha todas as informações necessárias sobre o produto, como: kit lanche com salgado assado de espinafre com ricota + suco de laranja natural fresco.


Muito mais atrativo, não é mesmo? Essa é a confiança que a sua cantina precisa passar, como já repetimos e ressaltamos agora: transparência.


Também é importante frisar que um cardápio restrito é muito mais funcional. Imagine um pai ter que escolher dentre muitos produtos, isso acaba gerando muitas dúvidas e tomando bastante tempo.


Seja eficaz e assertivo e conte com os nossos especialistas para isso!


Confira a última Live



49 visualizações

Sobre a Nutrebem

Nome fantasia: Nutrebem

Razão Social: Easy Food do Brasil S/A

CNPJ: 13.458.756/0001-20

Av. das Américas, 8445/903, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ

Contatos

         4003-3341

         relacionamento@nutrebem.com.br

Nutrebem © Todos os direitos reservados.