Sobre a Nutrebem

Nome fantasia: Nutrebem

Razão Social: Easy Food do Brasil S/A

CNPJ: 13.458.756/0001-20

Av. das Américas, 8445/903, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ

Contatos

         4003-3341

         relacionamento@nutrebem.com.br

Nutrebem © Todos os direitos reservados.
  • Thiago Ithiro Kono

5 benefícios para cantinas de escola que fornecem produtos saudáveis e seguros


Cantinas com cardápio saudável causam um grande impacto na educação alimentar e cognitiva de crianças e jovens.


Principalmente pelo fato de que grande parte da população está absorvendo alimentos nutritivos, através de um consumo cada vez mais consciente.


Refeições sadias são essenciais em todos os períodos da vida de qualquer ser humano, havendo a necessidade de destaque durante a infância e adolescência.


Mas qual o motivo para alertarmos sobre essa fase? Durante essa etapa, absorver as quantidades nutricionais adequadas, através de um cardápio variado, previne problemas de saúde, como: anemia, deficiência de ferro, cáries, obesidade etc.


Além dessas prevenções que podem, inclusive, acontecer a longo prazo (nos casos de câncer, diabetes, hipertensão e outros, por exemplo), uma alimentação balanceada oferece mais concentração, disposição, desenvolvimento físico e intelectual.


Sendo assim, os jovens prestam muito mais atenção às aulas, além de se tornarem ainda mais saudáveis, desenvolvidos e felizes.


Essa modificação é capaz de aumentar as notas e o rendimento em sala de aula, fazendo com que seja possível a aproximação entre alunos, pais, professores e cantina.


Ter um ambiente dentro da instituição de ensino que incentive a mudança da alimentação, acaba gerando maior confiança entre os responsáveis e a cantina escolar.


Cantinas com cardápio saudável se destacam entre os concorrentes


Quantas vezes você já observou crianças levando seus próprios lanches à escola? Isso é extremamente comum, pois muitas famílias estão preocupadas com o que seus filhos estão consumindo.


Porém, existem aqueles pais mais atarefados, que não possuem tempo hábil para a preparação das lancheiras.


A questão é: a cantina escolar oferece alimentos de alto teor calórico, poucos nutrientes, frituras, gorduras saturadas e trans, açúcar livre e sal?


Caso a resposta seja positiva (e isso inclui todas aquelas “delícias” como refrigerantes, frituras e doces), fica ainda mais difícil a criança e o adolescente decidirem por alimentos saudáveis, visto que foram condicionados por um longo período a consumir esse tipo de lanche.


É fundamental que opções saudáveis sejam viabilizadas, principalmente se a cantina puder contar com o apoio de um nutricionista.


A orientação desses profissionais auxilia, e muito, na forma como um novo cardápio será abordado, pois há uma necessidade real de adaptação.


Uma alimentação saudável deveria começar em casa, com uma rotina bem posicionada pelos responsáveis.


Mas nos casos em que isso não acontece, a cantina escolar contribui para que essa transformação aconteça, mesmo que seja de forma gradual.


A cantina tem capacidade de ser um verdadeiro centro de educação alimentar, onde as crianças e adolescentes aprendem sobre a importância de ingerir merendas saudáveis.


Isso pode se expandir até mesmo para fora da escola, garantindo que seja possível uma grande mudança no consumo diário da comida.


Confira os benefícios de ofertar produtos saudáveis e seguros


Ao visualizar possíveis benefícios da implementação de uma cantina saudável, é possível enxergar também como os resultados serão alcançados.


1. Segurança para pais, alunos e escola


Saber o que o filho está consumindo diariamente é tarefa árdua para os responsáveis, pois, muitas vezes, apenas fornecem o dinheiro, esperando que eles façam boas escolhas, o que não é fácil quando a cantina escolar oferece produtos que não são saudáveis. Por isso, ofertando alimentos que estejam de acordo com a tabela nutricional e com o objetivo de uma melhor qualidade de vida, a confiança aumenta.


Sendo assim, o seu faturamento também sofre muitas alterações, e para melhor! Porque pais que confiam na cantina disponibilizam maior renda de consumo durante a semana.


Além disso, a utilização de um sistema unificado, possibilita o “fim do caderninho” evitando cobranças constrangedoras aos pais e aumentando o controle das receitas.


2. Autonomia para os alunos


Já imaginou o próprio aluno fazendo escolhas saudáveis? Lógico que estamos falando que aqui existe um incentivo, mas, ao saber que os alimentos consumidos são nutritivos, eles são capazes de ficar um tanto quanto orgulhosos de si.


Isso transforma a maneira como esse tipo de alimentação auxilia no consumo consciente, dentro ou fora da escola.


Com isso, a relação com o alimento se transforma em algo natural, visto que uma cantina saudável favorece nessa mudança de consciência.


3. Opções variadas, coloridas e atrativas


Já pensou em montar combos diferentes, separados por temas, produtos sazonais ou outras características desse tipo de alimentação?


A ampla variedade de alimentos, cores e frutas são grandes atrativos para trabalhar a forma como são abordados.


Além de colaborar com a saúde dos alunos, você também estará colaborando com a saúde da sua cantina, agregando ainda mais valor a tudo o que for aplicado.


Por exemplo: sucos e frutas acompanham as estações do ano, mantendo novidades sempre frescas na cantina.


Não é necessário ofertar tudo ao mesmo tempo, vale “enxugar” o leque de opções e garantir escolhas assertivas aos alunos.


Um cardápio saudável aumenta a energia e a disposição, o que é necessário para a fase de desenvolvimento e, principalmente, para a hora do recreio, onde eles gostam de brincar, interagir e socializar.


Na maioria das vezes, as cantinas ofertam uma enorme quantidade de produtos, o que deixa as crianças e os adolescentes confusos.


Ter que escolher o que vai ser consumido em um curto período de tempo é estressante, gerando assim, ansiedade e frustração. Escrevemos um post sobre isso, clique aqui para acessar.


4. Tudo de acordo com as regulamentações das cantinas


Algumas leis foram implementadas por todo o país, variando de acordo com o Estado. Com isso, algumas escolas precisaram passar (e ainda estão passando) por um processo de adaptação, o que inclui, efetivamente, as respectivas cantinas.


Alimentos não saudáveis foram cortados dos cardápios, pois colaboram com doenças como: hipertensão, obesidade e diabetes.


Uma cantina fora dos parâmetros impostos corre o risco de pagar multas altíssimas e, até mesmo, ter o estabelecimento fechado.


Confira alguns itens que precisam ser banidos do cardápio:


  • Chicletes;

  • Balas;

  • Pirulitos;

  • Refrigerantes;

  • Biscoitos recheados;

  • Sucos artificiais;

  • Salgadinhos e snacks industrializados;

  • Frituras;

  • Pipoca industrializada;

  • Alimentos com alto percentual de calorias e com gorduras saturadas, que ultrapasse 10% das calorias totais;

  • Alimentos preparados com a utilização de gordura vegetal hidrogenada ou com alto teor de sódio.

Ao optar pela disponibilização de um cardápio saudável, nutritivo e balanceado, as preocupações nesse quesito desaparecem.


5. Atração de novos clientes e fidelização dos antigos


Você já teve alguma grande ideia que conseguisse chamar atenção para a sua cantina, mas notou que não conseguiu atingir os resultados esperados?


Isso acontece quando o estabelecimento já não está no ranking de opções para a aquisição da merenda. Afinal, o que aconteceu para chegar a esse ponto?


Atrair novos clientes é mostrar o seu diferencial, produtos que sejam o desejo de consumo de crianças e jovens, agilidade e facilidade na hora da compra.


É preciso ter em mente estratégias que “conversem” com o público-alvo, o que, na maioria das vezes, engloba atingir os pais, que estão cada vez mais exigentes.


Que tal montar combos diferenciados, como citamos anteriormente, mostrando os benefícios dos produtos a serem consumidos? Ou oferecer um cartão fidelidade para os alunos que mais consomem na sua cantina? Esses são apenas alguns exemplos a serem analisados.


O que ofertar na cantina para ter um cardápio saudável?


A dúvida é constante: mas o que eu vou oferecer aos meus alunos?


Uma das soluções é a contratação de nutricionistas especializados, para a estruturação do cardápio da cantina. Isso facilita na compra de matéria prima para a montagem das opções.


  • Sucos naturais;

  • Água de coco engarrafada ou em caixinha, de preferência sem açúcar;

  • Frutas frescas que sejam fáceis de descascar ou que possam ser consumidas com casca;

  • Proteínas derivadas do leite, tais como: queijo branco, ricota, cottage, requeijão, iogurte (atentando para a temperatura adequada);

  • Pães (integral, de aveia, grãos, centeio, preto, de forma, sírio ou francês com gergelim), até mesmo em conjunto com os itens acima;

  • Biscoitos sem recheio, doces ou salgados;

  • Bolos caseiros simples, como: maçã, fubá, cenoura ou laranja;

  • Barras de cereais;

  • Leite e achocolatados, em embalagens que garantam a sua durabilidade.


Esses são apenas alguns elementos, dentre inúmeras variedades de produtos saudáveis e com características que garantem equilíbrio à alimentação dos alunos.


Como a Nutrebem irá te ajudar na transição para o cardápio saudável?


Caso já exista um cardápio sendo trabalhado pela cantina, a Nutrebem fornece uma avaliação, além de sugestões para que ele se torne mais adequado ao público.


Além disso, existem nutricionistas com foco total nas cantinas atendidas, através de acompanhamento on-line e interativo.


Esse é um dos grandes diferenciais que oferecemos ao escolher o nosso sistema, que ainda proporciona:


  • Fim dos pedidos fiados na cantina;

  • Conta digital pré-paga;

  • Aplicativo próprio;

  • Menos filas no intervalo;

  • Visualização, em tempo real, de todas as compras do aluno;

  • Possibilidade de restrição de itens e muito mais!


Acesse o nosso site e obtenha mais informações sobre o sistema que digitaliza cantinas: Nutrebem!

135 visualizações